Bem vindos ao meu Blog!

É um prazer recebê-los em meu blog.
Esse espaço está reservado para todos aqueles que amam a Palavra de Deus e a tem como bússola para a vossa Caminhada.
Deus te abençoe!

domingo, 7 de novembro de 2010

DONS E TALENTOS.

Shalom Adonay!

Mais uma vez, futucando as minha escritas que eu tenho espalhados em casa (porque eu não guardo nenhum deles, justamente para eu não me acomodar com aquilo que eu já lí um dia), achei mais um esboço interessante, falando justamento sobre Dons e Talentos, coisas bem diferentes e que nos dias atuais muitos ainda fazem confusões com isso.
Nesse pequeno esboço que eu fiz, para um dos estudos que eu ministrei na igreja Metodista Ortodoxa em Realengo, nós iremos ver um pouco mais a diferença de um para o outro.

Talentos

Talento é uma coisa bem diferente de Dom.

São três os tipos de talentos:
* Talentos Genético: Aqueles que vem da genética dos seus pais. Muitas vezes, não sempre, quando um pai é músico os filhos tem a tendência de ser músico.

*Talentos Convivência: É aquela que desenvolve no meio social onde você vive. Se andar com pessoas que exercem um certo talento, com certeza em pouco tempo você vai estar exercendo o mesmo talento.

*Talentos Divino: Aqueles que já nascem com a gente sem ter nenhuma influência genética ou social. Pessoas que nunca fizeram aula de música, mas que tocam algum instrumento.

Talento é algo que você pode usar para benefício próprio, você pode até mesmo gerar lucros com eles, o que já é bem diferente dos Dons, onde você que exercê-los em função de outrem.

Talento é algo que já nasce contigo, o Dom não, Dom você tem que "Buscar com zelo" (I Co. 12.31).

A Bíblia nos fala para nós querermos os Dons, mas para a edificação do corpo da igreja (1 Co. 14.12) pois essa é a função dos Dons.

Quando olhamos para os dias atuais, vemos pessoas que se esqueceram que os Dons não são para ter os "NOMES NAS FAIXAS" ou para ter "DESTAQUE" na igreja, outras pessoas usam aquilo que Deus os presenteou para "COBRAR" dos outros aquilo que "Recebeste de graça"  (Mt. 10.8)

Muitos estão perdido no significado da palavra Dom (Que significa "Presente"). Muitos tem pego aquilo que Deus os presenteou e tem "VENDIDO" para outros. Um exemplo disso: Quando você ganha um presente de alguém, você vende ele? E se você tiver coragem de vender, venderá sem pesar no coração? Porque afinal, aquilo que nós ganhamos de presente tem um valor enorme para a gente que recebe, não em questão de valores mateiriais, mas sim em valores sentimentais, que não tem preço que os pague.

Dons

* O Dom se usa para a edificação da Igreja, e não para o uso próprio, temos que compartilhar com os outros - (Rm. 1.11).

*Não podemos deixar faltar nenhum Dom em nossas vidas e nem no meio da Igreja até a volta de Cristo - (I Co. 1.7).

*Cada um de nós temos um Dom de Deus - (I Co. 7.7)

*Temos que procurar com zelo os melhores Dons - (I Co. 12.31 / 14.1)

*Temos que receber os Dons e progredir, não ficar estagnado - (I Co. 14.12)

* O Dom é irrevogável - (Rm. 11.29)

* O Dom mais importante é o Dom da Vida Eterna, esse que tem que ser o nosso Dom principal - (Rm. 6.23).

Meditemos todos nessas Palavras!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário